Feedback: Como impulsionar os talentos da sua empresa

Feedback: Como impulsionar os talentos da sua empresa

Muito se fala a respeito da importância do Feedback, mas muitas empresas ainda não conseguem colocar isso em prática. O Feedback, nada mais é do que um retorno, dado pelo líder imediato para o funcionário, a respeito de seu desempenho na equipe da empresa. É uma ferramenta importantíssima para garantir que ambas as partes saibam claramente quais são os objetivos a serem conquistados, metas e prazos.

Ele pode ser negativo ou positivo, mas o importante é que seja feito de forma respeitadora e de preferência, individualizada.

Feedback funciona?

Pesquisas recentes realizadas no mundo todo, comprovam a eficácia do feedback para o desempenho dos funcionários. Independentemente da área ou até do cargo que ocupam, as pessoas se sentem mais motivadas, valorizadas e compreendem muito melhor o que a empresa espera delas quando o feedback é dado pelo seu gestor.

Ou seja, passam a produzir mais e melhor e conquistam mais rapidamente as metas e objetivos estabelecidos, já que tudo é feito às claras e de forma constante. As pesquisas também indicam que os próprios funcionários percebem esta diferença e preferem o método de feedback à antiga e tão utilizada avaliação de desempenho.

Mas é preciso ter cuidado. Para que o feedback traga realmente resultados tão positivos, é preciso que a técnica seja aplicada com cuidado e atenção. Não basta apenas dizer que o trabalho realizado não estava à altura ou que o funcionário não está produzindo conforme o esperado.

Veja a seguir algumas dicas valiosas para melhorar o feedback e aproveitar os benefícios que ele proporciona para a equipe e toda a organização.

1. Quem faz o Feedback é o líder direto

Toda equipe precisa de um líder que esteja sempre presente e por dentro de todas as atividades da equipe. E é este líder que deve dar o feedback para cada um dos membros de seu time. Nada de terceirizar para os recursos humanos ou para a diretoria.

2. Deve ser individualizado

O feedback é uma conversa privada entre líder e funcionário. Não diz respeito aos demais membros da equipe e nem outros departamentos. Por isso, o líder deve se preparar para conversar com cada pessoa individualmente.

3. Respeito e franqueza são as palavras – chave do Feedback

O feedback tem como objetivo motivar e ajudar o funcionário a encontrar o melhor caminho caso ainda esteja cometendo erros ou falhas. O líder tem a obrigação de apresentar caminhos para resolver os problemas e indicar formas para que ele alcance os resultados. Somente criticar, não terá nenhum resultado positivo.

4. Elogie e reconheça as vitórias

Todos nós gostamos de ser valorizados e elogiados pelo esforço que fazemos. Em todos os feedbacks aponte sempre os pontos positivos e quais são os pontos nos quais o funcionário está acertando. Assim, além de tentar melhorar o que ainda não está tão positivo, ele manterá aquilo que é valorizado pela empresa.

5. Seja constante

O período do feedback pode mudar de uma empresa para a outra. Mas o ideal é fazer isso com uma boa frequência, para que problemas possam ser corrigidos e bons resultados sejam reconhecidos. Não deixe para fazer o feedback somente uma vez ao ano, quando pode ser tarde demais.

O papel do líder é inspirar, motivar e ser transparente nas metas e objetivos que a equipe precisa alcançar. Com o feedback, fica bem mais fácil de deixar tudo isso claro para todas as pessoas que fazem parte da equipe.

Gostou? Aproveite e leia mais conteúdos em nosso Blog: https://blog.admooh.com/pt/home/

Cometários
Marcado com: , , ,